Domingo, 27 de Novembro de 2011

Contra o encerramento de mais linhas

Em solidariedade com os eléctricos lisboetas

A linha 18E da CCFL (Carris) é uma das carreiras indicadas pelo estudo encomendado pelo Governo, com vista à concretização do PET - Plano Estratégico para os Transportes e que prevê o corte de 23 carreiras na Carris, afectando também outras empresas como o Metro de Lisboa e Porto e a STCP, entre outras. Redução da oferta, supressão de serviços e eliminação de postos de trabalho são as palavras-chaves do referido plano, com vista à redução de custos.
Uma das carreiras que está inserida nesse leque que o grupo nomeado pelo Governo estudou, é a carreira 18 de eléctricos de Lisboa, que faz a ligação entre a Rua da Alfândega ao Cemitério da Ajuda. E por se tratar de um transporte amigo do ambiente e por ser um símbolo da cidade, com o qual centenas de lisboetas se identificam, importa fazer esforços para o manter em circulação, até porque a carreira 18E faz parte das cinco carreiras que resistiram na cidade que outrora era servida na maioria por eléctricos.
Assine a petição pública,criada contra o fecho da carreira 18E, e visite a página do Facebook «Não à supressão do eléctrico 18», à qual se associa agora através deste apoio, na publicação da mesma e da figura que se anexa a este texto.
 Vamos todos juntos, tentar ajudar o eléctrico que nos leva à Ajuda.
Assine a petição e divulgue.
Pedro Gomes às 11:09
|